Feeds:
Posts
Comentários

Archive for junho \07\UTC 2011

Foram sim horas onde a razão abandonou o ser e o som da raiva pode circular livremente pelo ar. 16/10/2010 entrou para a história do coletivo como o dia que concretizamos de fato a nossa vontade de realizar gigs e festivais.  Desta noite, trazemos boas lembranças e a vontade de realizar mais outras. Alguns nomes já estão certos para outros atos que virão.

Seguem algumas fotos e vídeos do que foi visto e sentido pelas pessoas presentes, nada de novo: mas vale a pena lembrar.  Gostaríamos de agradecer tardiamente ao gordo da Docarai e a Diego pelos registros.

Rabujos despejando sua fúria contra tudo e contra todos tocando Tanto faz o apocalipse.

Aqui é a Terrible Force, Diretamente de  de João Pessoa executando seu som cahamdo Madness… Insânia.

FireTomb soltando um cover foda do Metallica e fazendo os thrashers presentes ficarem com sangue nos olhos. Infelizmente não sabemos quem capturou o vídeo.

 

Fotos da 7 Dias de Massacre descarregando seu Crust/Grind/Hardcore/Powerviolence ou coisa parecida sem dó ou piedade.

 

Punkadaria em seu enérgico grito revolucionário, avante camaradas!

 

Anúncios

Read Full Post »

Fim da Pausa

As movimentações não pararam, os dias prosseguiram erguendo e demolindo sonhos; como sempre foi e será. A ebulição multiplicou-se, tomou novas formas e nós fizemos parte disso. Agora é hora de seguir em frente, concretizar os novos planos. É hora de dar continuidade, pois este espaço esteve abandonado por muito tempo.

Este longo hiato nas atividades do blog deu-se por uma série de razões que não serão explicitadas aqui, muito provavelmente em nenhum lugar. Porém essa parada não foi acompanhada por uma semelhante nas atividades do coletivo, realizamos sonhos inclusive; sonhos de outras pessoas inclusive. Estamos retornando e estamos cheios de ímpeto.

Em algumas postagens que virão ao longo do futuro próximo daremos uma breve olhada em algumas coisas que já realizamos, no que participamos e no que acreditamos… olhando para o passado podemos nos situar no presente e planejar o futuro, sem atermo-nos a nenhum destes.

Daqui por diante haverá mudanças, bem vindos de volta.

Read Full Post »